Baixada Fluminense recebe ações sociais para acesso à documentação básica

11/25/2013 às 12:15 pm | Publicado em Informações | Deixe um comentário

Subsecretaria de Estado de Direitos Humanos e Fundação Leão XIII prestaram diversos atendimentos em Nova Iguaçu e Queimados

Dois municípios da Baixada Fluminense receberam, neste sábado (23/11), ação social com diversos serviços gratuitos oferecidos à população. Os moradores de Nova Iguaçu receberam a visita do Projeto Resgatando Cidadania, da Fundação Leão XIII. Serviços nas áreas de saúde, documentação e recreação infantil foram oferecidos na Escola Estadual Presidente Costa e Silva, em Nova Iguaçu. Já no município de Queimados, uma ação social foi realizada com o intuito de buscar pessoas que tenham dificuldade de acesso à documentação básica, como certidão de nascimento e primeira identidade.

 

A ação em Queimados tem por objetivo a erradicação do sub-registro e ampliação do acesso à documentação básica, desenvolvido pela Subsecretaria de Estado de Direitos Humanos, em parceria com a prefeitura do município. Duzentos e cinquenta atendimentos foram realizados, das 9 às 15 horas, na Escola Municipal Oscar Fanchem.

 

A doméstica Carmem da Silva, de 38 anos, fez a certidão de nascimento de seu filho Carlos Eduardo, de quatro meses. Já a dona de casa Érica de Almeida, de 33 anos, aproveitou a proximidade da ação social e levou seus quatro filhos para darem entrada na primeira identidade. “Aqui tem atendente do Detran, não preciso pagar a taxa e deixo o documento todo preparado, faço tudo em um lugar só. Depois só vou no posto do Detran para pegar o documento todo pronto. Para quem tem quatro filhos, como eu, isso ajuda muito”, relatou.

 

A Fundação Leão XIII é vinculada à Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos (SEASDH), e conta com diversas parcerias para oferecer uma série de serviços para a população, como carteira de trabalho e além do formulário de isenção de pagamento de taxas cartoriais para a obtenção da segunda via da carteira de identidade e das certidões de nascimento, casamento e óbito. Serviços de saúde também foram prestados, em parceria com a Uniabeu, como verificação de pressão arterial, exames oftalmológicos, tipagem sanguínea e glicose, além de exames preventivos de câncer de mama, orientando sobre como fazer o autoexame, e do colo do útero, o papanicolau.

 

A estudante Marisa Maciel, de 19 anos, retirou a carteria de trabalho e realizou tipagem sanguínea, uma exigência da sua instituição de ensino que estava pendente desde o início do ano. “A gente precisa de um incentivo destes para fazer algumas coisas que estamos precisando há tanto tempo. Agora estou empolgada para procurar um novo emprego”, afirmou.

Deixe um comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: